CLINICA-DE-CIRURGIA-PLASTICA-EM-SAO-PAULO-DR-FABIO-CESCONETTO-Rinoplastia-fechada-ou-aberta-qual-técnica-de-cirurgia-plástica-adequada-para-o-seu-caso

Rinoplastia fechada ou aberta: qual técnica de cirurgia plástica adequada para o seu caso?

A rinoplastia fechada é uma incisão feita somente dentro das narinas. A rinoplastia fechada corrige problemas respiratórios, altera o tamanho do nariz, corrige dano nasal ou defeito de nascença, modificar largura das narinas, alterar formato da ponta do nariz, modifica ângulo entre o lábio superior e o nariz.

Essa técnica é um pouco mais rápida. O cirurgião faz incisões pequenas no interior das narinas para ter acesso à cartilagem e ao osso. Com uso de instrumentos muito pequenos, será realizada a remodelagem do nariz, removendo tecido, cartilagem e osso.

O resultado dessa técnica confere uma forma mais natural ao nariz. Além disso, em geral, não fica nenhuma cicatriz aparente.

A rinoplastia aberta é usada nos casos, em que há necessidade de muitas alterações no nariz. Ela pode corrigir, alterar, modificar as mesmas imperfeições e problemas que a fechada. No entanto, as alterações são maiores.

Durante a rinoplastia aberta, o cirurgião plástico realiza incisões que permitem erguer a pele da cartilagem e do osso do nariz. Com isso, é possível examinar a estrutura nasal com maior clareza, é possível ajustar com mais precisão a forma e permitir uma melhor avaliação da cartilagem e do osso nasais.

A cirurgia, em geral, demora 2 horas. A anestesia pode ser local somente com sedação ou geral. Nos casos que seja necessária a anestesia geral, o paciente precisará ficar entubado e a respiração ser realizada com auxílio de aparelhos.

Há situações que a rinoplastia é associada com alguma cirurgia funcional, como correção do septo ou tubinectomia (cirurgia que faz a retirada da carne esponjosa).

Clínica de Cirurgia Plástica em São Paulo
Cirurgião Plástico Dr. Fabio Cesconetto | CRM 77757
(11) 94545.4212 | (11) 3253.7831 | (11) 3288.4744
Segunda a Sexta 12 às 21 horas
Alameda Santos, 211 Cj. 1611 | Jardim Paulista | SP
(Paralela Av. Paulista | Próximo Estação de Metrô Brigadeiro)

clinica-de-cirurgia-plastica-em-sao-paulo---dr.-fabio-cesconetto---blefaroplastia

Por que a cirurgia plástica de rinoplastia estruturada é melhor?

A cirurgia plástica de rinoplastia tradicional evoluiu de um procedimento meramente de redução do nariz para uma abordagem mais eficaz. A ênfase agora é colocada no reposicionamento, aumento e reestruturação da anatomia nasal para criar o nariz mais natural e funcional possível. A cirurgia plástica de rinoplastia estruturada permite que se obtenha uma mudança permanente no formato nasal que não ficará sujeita às alterações ao longo do tempo ou devido à cicatrização.

Deformidades que ocorrem após a cirurgia plástica de rinoplastia tradicional, resultam de vários fatores: um diagnóstico pré-operatório inadequado, escolha incorreta da técnica, execução equivocada de manobras cirúrgicas e cicatrização desfavorável. Tanto deformidades estruturais quanto funcionais podem ser causadas por retirada agressiva do esqueleto nasal com falha na manutenção ou reconstrução de suas estruturas. Se estas estruturas forem alteradas e nenhuma tentativa for feita para sua reconstituição, contrações do tecido nasal podem deformar o resultado pós-operatório desejado durante o processo de cicatrização.

A maioria dos mecanismos de suporte do nariz pode ser distorcida ou interrompida durante a cirurgia plástica de rinoplastia tradicional. Qualquer incisão feita na cirurgia plástica de rinoplastia estruturada necessita reconstituição para a manutenção do seu esqueleto estrutural. A integridade ósteo-cartilaginosa nasal é respeitada na cirurgia plástica de rinoplastia estruturada durante o procedimento. A característica da pele influencia seu próprio contorno sobre a estrutura nasal. Pele espessa pode não se moldar satisfatoriamente à estrutura pós-operatória, enquanto que pele fina irá se ajustar rapidamente. Uma estrutura simétrica, precisa e estável é necessária para prevenir possíveis irregularidades visíveis no futuro.

O esqueleto nasal deve ser esculpido de forma precisa e reforçado com pontos de fixação e enxertos (pedaços de cartilagem) com o intuito de reconstruir ou preservar a função respiratória e também o aspecto estético desejado após um longo período de pós-operatório.

clinica-de-cirurgia-plastica-em-sao-paulo-dr.-Fabio-Cesconetto---rinoplastia-3

Quais as vantagens de uma rinoplastia estruturada?

É importante entender que o nariz sofre com o efeito de várias forças após a cirurgia plástica, a cicatrização, a pressão da respiração e o envelhecimento, poderão distorcer ou mudar a posição dessas cartilagens, comprometendo a capacidade de sustentação da pele. Além dos traumas que podem ocorrer.

Por isso, quando analisamos esses fatores, a cirurgia plástica de rinoplastia tradicional pode enfraquecer o esqueleto do nariz, fazendo com que as cartilagens fiquem mais vulneráveis a essas forças. O que pode afetar o resultado e trazer deformações estéticas com o passar dos anos.

A cirurgia plástica de rinoplastia estruturada foi desenvolvida pensando exatamente nisso, em fortalecer e esculpir a estrutura do nariz, de maneira que os resultados tenham chances muito menores de serem distorcidos. Assim, os resultados obtidos a partir da cirurgia plástica de rinoplastia estruturada são mais consistentes e duradouros, por esse motivo essa é considerada a melhor técnica para execução de uma cirurgia plástica de nariz.

clinica-de-cirurgia-plastica-em-sao-paulo-dr.-Fabio-Cesconetto---rinoplastia-2

Qual a diferença da rinoplastia tradicional para a rinoplastia estruturada?

Ambas podem ser realizadas no caso de uma primeira cirurgia plástica de rinoplastia, porém no caso de uma cirurgia plástica de rinoplastia secundária, ou seja, uma cirurgia plástica que visa corrigir insatisfações de uma cirurgia plástica de nariz anterior, a técnica estruturada é a mais indicada.

Na cirurgia plástica de rinoplastia tradicional, que é a técnica mais comum, os ligamentos entre as cartilagens são interrompidos e o esqueleto do nariz é diminuído e remodelado, por meio da retirada de cartilagem e de parte do osso.

Já na cirurgia plástica de rinoplastia estruturada, também são colocados pontos de fixação e enxertos de cartilagem, retirados do próprio paciente (do septo, costela ou orelha), de forma a fortalecer o esqueleto remanescente do nariz. Além disso, as funções respiratórias são otimizadas através da correção de desvios de septo ou hipertrofia de cornetos (carne esponjosa).

clinica-de-cirurgia-plastica-em-sao-paulo---dr-fabio-cesconetto---rinoplastia

Correção do nariz: rinoplastia tradicional ou estruturada?

A rinoplastia é uma cirurgia muito comum entre homens e mulheres e evoluiu bastante nos últimos anos com a implementação de técnicas sofisticadas. O nariz é um órgão de destaque no rosto e a rinoplastia visa melhorar o aspecto estético do rosto, corrigindo deformidades nasais que atrapalhem a harmonia facial.

Esse procedimento se divide em duas técnicas cirúrgicas: a rinoplastia tradicional e a estruturada. Ambas as técnicas operam esculpindo o nariz com a retirada de quantidades variáveis de cartilagem e osso, mas na estruturada, enxertos de cartilagem são utilizados para fortalecer a estrutura do nariz. Muitos especialistas acreditam que a rinoplastia estruturada é superior, mais consistente e confiável.

O pré-operatório de uma rinoplastia é essencial para o sucesso dessa cirurgia plástica. Esse planejamento inclui a realização de exames que auxiliarão o cirurgião plástico na avaliação do caso, pois cada paciente possui uma estrutura nasal diferente.

Os exames obrigatórios variam de acordo com a postura do cirurgião plástico. É recomendável que se realize um eletrocardiograma, exames de sangue (hemograma, coagulação, função renal e eletrólitos), raio X do tórax e, em alguns casos, uma tomografia computadorizada da estrutura nasal e dos seios da face, para melhor avaliação.