clinica-de-cirurgia-plastica-em-sao-paulo---dr.-fabio-cesconetto---pós-operatório

A importância do uso da malha cirúrgica no pós-operatório de cirurgia plástica.

Malhas cirúrgicas são como roupas de compressão, que fornecem uma pressão constante em toda a área em que foi feita a cirurgia plástica. Seu objetivo é dar apoio e conforto ao paciente, além de ajudar a diminuir a retenção de líquido que se acumula por conta do procedimento, o que também facilita a cicatrização.

É importante seguir a indicação do cirurgião plástico na escolha da malha cirúrgica para se certificar de que ela tenha um tecido de qualidade, antimicrobiano e que deixe a pele transpirar tranquilamente para não reter umidade. Umidade em excesso pode causar irritações na pele, um incômodo que você não quer ter após a sua cirurgia plástica.

O paciente deve utilizar a malha o dia inteiro, retirando-a apenas para tomar banho e para lavá-la. Por isso, é essencial que ela seja confortável, como uma segunda pele para o paciente. Se a malha machucar de algum modo ou for muito desconfortável, o paciente deverá trocá-la.

A malha cirúrgica utilizada no pós-operatório exerce uma pressão suave e constante na área operada, com a finalidade de moldar a pele às novas medidas corporais e juntar tecidos que sofreram transformações durante a cirurgia plástica.

Além disso, ela exerce um tipo de drenagem linfática natural, comprimindo o espaço intercelular e, com isso, ajudando a eliminar o líquido presente no sistema linfático e no plasma sanguíneo. Desse modo, a malha ajuda a diminuir o inchaço e os edemas comuns do pós-operatório.

Mas uma das principais funções da malha cirúrgica é ajudar na cicatrização. Como ela auxilia na eliminação do excesso de líquido acumulado entre as células, elas ficam mais próximas, o que contribui para uma cicatrização mais uniforme. Ou seja, utilizar a malha cirúrgica traz muitos benefícios ao paciente e, por isso, ela é indispensável no pós-operatório.

Tags: No tags

Add a Comment

You must be logged in to post a comment