Loading

Algumas pessoas falam que as próteses de silicone têm uma validade vitalícia e isso não é verdade. Somente com o controle através do exame anual é que a paciente vai ter certeza se o implante precisa ou não ser trocado.

As próteses de silicone têm em média uma validade sugerida pelos fabricantes de 15 anos, ou seja, após esse período a paciente fará exames para se constatar a real necessidade da troca dos implantes.

Esses exames seriam exames de ultrassom e de ressonância magnética, que a paciente fará anualmente após a realização da cirurgia plástica.

Se os implantes estiverem íntegros, sem sinal de ruptura ou contratura capsular, ela pode seguir por mais alguns anos seguindo a orientação do cirurgião plástico.

Dificilmente as próteses de silicone terão uma rejeição, mas o que pode acontecer é de o implante sofrer um processo infeccioso ou uma contratura capsular. É a reação natural do organismo contra esses implantes, e nos dois casos será necessário fazer a remoção deles e a colocação de novos.

Sobre a infecção a paciente precisará ter um cuidado redobrado com a higiene do curativo e tomar banho normalmente todos os dias, de preferência com o auxílio de uma pessoa nos primeiros dias.

Todos os fabricantes oferecem termo de garantia das próteses com identificação de lote de produção, esse documento é entregue na alta hospitalar. Além de emitirem nota fiscal com o nome da paciente. Guarde esses documentos em um local seguro.

Cirurgião Plástico Dr. Fabio Cesconetto | CRM 77757
Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica
Registro de Qualificação de Especialista | RQE 16670

Clínica de Cirurgia Plástica em São Paulo
(11) 94545.4212 | (11) 3253.7831 | (11) 3288.4744
Segunda a Sexta 12 às 21 horas
Alameda Santos, 211 Cj. 1611 | Jardim Paulista | SP
(Paralela Av. Paulista | Próximo Estação de Metrô Brigadeiro)

Shopping Basket